‘Fica Comigo’ comemora sete anos

fica comigo O vocalista da banda conhecido pela simpatia, Delão, e também empresário da banda Melim, revela como o grupo carioca transformou sua vida
O vocalista da banda conhecido pela simpatia, Delão, e também empresário da banda Melim, revela como o grupo carioca transformou sua vida

No Rio de Janeiro, os eventos do Fica Comigo viraram tradição. O bloco do amor, que carrega multidões durante o Carnaval da cidade, conquistou o coração de pessoas dos quatro cantos do Brasil, lotando suas apresentações por onde passa. Só neste ano, foram quase 100 shows por todo o país.

Este mês, a banda comemora seu sétimo aniversário. Dono do microfone e de uma simpatia indescritível, o vocalista Delão tem grande parcela de culpa no sucesso do grupo. Há  4 anos nos palcos do Fica Comigo, o gaúcho trouxe uma personalidade única para os shows com um repertório personalizado com os maiores sucessos do pagode retro dos anos 90. Ao longo desse tempo, as festas do grupo se tornaram um ponto de encontro de gente bonita e alegre.

Delão

Hoje, o integrante do Fica Comigo está onipresente em diversas vertentes artísticas e sociais. Além de cantor, compositor, empresário da LoveStore (vendas de acessórios da banda), biólogo, design gráfico, voluntário social, radialista, também é empresário da banda mais estourada de 2018, a Melim.

‘’Eu sempre sonhei em mudar o mundo e vida das pessoas com minha forma de levar a vida e viver da música, acho que ela tem poderes inimagináveis. Eu nunca soube porque eu tinha tantas músicas de pagode decoradas, e nunca parei pra estudar. As pessoas sempre achavam que eu não combinava com o estilo, e o Fica Comigo justifica muita coisa do meu passado, me sinto um artista por completo ali dentro. Sou muito grato aos empresários’’, revela Delão.O

O evento de comemoração do Fica Comigo, no Maracanazinho, no Rio de Janeiro, recebeu mais de 5 mil pessoas, e teve mais de 12 horas de festa e uma decoração especial, com um super palco e a estrutura gigante da The Epic.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.