“A Fé e os Orixás” – série autoral da fotógrafa Hanna Vadasz celebra a fé na natureza

Série autoral da fotógrafa Hanna Vadasz celebra a fé na natureza e nas origens em expo individual na loja Bemglô, loja colaborativa de Gloria Pires, Betty Prado e Orlando Morais
Série autoral da fotógrafa Hanna Vadasz celebra a fé na natureza e nas origens em expo individual na loja Bemglô, loja colaborativa de Gloria Pires, Betty Prado e Orlando Morais

A fé é humana, mas vem da força da natureza e do tamanho dela: imensa. Assim é em toda e qualquer religião, crença ou filosofia, especialmente no Candomblé. Os orixás são divindades significadas por elementos da natureza (como os raios, as chuvas, os minérios, os ventos, as águas, o fogo, a terra) que representam e despertam emoções naturais aos humanos (como raiva e amor). Daí o título da expo individual da fotógrafa Hanna Vadasz, “A Fé e os Orixás”, em cartaz entre os dias 03 e 31 de agosto na galeria Bemglô, em São Paulo.

Nos últimos dois anos, a fotógrafa se dedicou a experimentar e conhecer o Candomblé, frequentando centros, cultos e festas na cidade de São Paulo. De origem judia, até então sem religião definida, se encantou com a força da fé, com a entrega dos que seguem a linha, com coerência entre a conexão da natureza e do homem, com a vibração que se sente na pele durante um culto ou festa.

SOBRE A FOTÓGRAFA

Hanna Vadasz trabalha para o mercado de fotografia de moda e publicidade por mais de dez anos. Tem experimentado a fotografia para o cinema e perfeccionista que é, não abre mão de acompanhar fotógrafos veteranos, como assistente, para ampliar ainda mais seu repertório prático e técnico. Seu trabalho é livre de estereótipos, no set seu compromisso é garantir a mensagem pretendida. Já seu trabalho autoral tem a emoção e o sentir como guias. A natureza é tema relevante tanto em suas imagens, quanto para sua vida. Sem o comprometimento da entrega, Hanna transita entre o documental, o retrato, o cotidiano, à vontade. E transita com liberdade. Não tem a pretensão de decifrar nada, apenas de clicar, assim como sente, com intensidade.

Sobre assessoria@blocotomecontademim.com.br 207 Artigos
assessoria@blocotomecontademim.com.br

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.